Foz do ArelhoX

Caldas da Rainha

É impossível falar de uma história da Foz do Arelho sem falar da Lagoa de Óbidos, à qual está – e, de resto, estará – sempre intimamente ligada.

Essa ligação é quase visceral, começando, desde logo, por ser na Lagoa que o povoado ganhou pelo menos parte do seu nome, exactamente por estar na foz de um rio. Apesar de tudo não há nenhum rio Arelho, facto que não deixa de gerar alguma perplexidade. A ligação, contudo, não se queda pela curiosidade do nome. É bastante mais profunda.

Da Lagoa de antigamente se dizia que dava pão e vinho. Era, como é, o sustento da terra – nela se pescava, mas dela ser recolhia também o limo com que as populações locais adubavam a terra.